Carregando

Aguarde, processando!

Novidades norte-americanas

26/03/2015

Marcelo Copello

Califórnia

1228 Visitas

Em uma viagem à Califórnia em 2008, dentre as várias vinícolas que visitei uma chamou à atenção. Enquanto praticamente todas faziam seus tintões de Cabernet Sauvignon & Cia, esta  era especializada em Pinot Noir e Chardonnay, com vinhos ótimos. Recebo agora a boa notícia de que os vinhos da LA CREMA finalmente chegaram ao Brasil, pelas mãos da Casa Flora/Porto a Porto. A La Crema tem vinhedos em terroirs de clima mais ameno, mais propícios às castas borgonhesas (Pinot Noir e Chardonnay). O principal deles é em Russian River Valley, cujos vinhos avalio abaixo. De quebra também provei outra novidade, um Zinfandel da Edmeades. Esta empresa, do mesmo grupo da La Crema (grupo Kendall-Jackson), é especialista em Zinfandel, casta tida como “bandeira” norte americana em vinhos.

 La Crema Chardonnay Russian River Valley 2012, EUA (Casa Flora/Porto a Porto, www.casaflora.com.brwww.portoaporto.com.br,R$ 207,57).

100% Chardonay com 8 meses em carvalho francês, cerca de 1/3 novo. Amarelo palha dourado, com aromas onde amadeira aparece bem integrada à fruta, com notas cítricas de maçã verde, pera, baunilha, tostados, fundo mineral elegante . Paladar de bom corpo, estruturado por acidez muito boa, equilibrada com maciez deliciosa, longo e complexo.

Nota: 90 pontos

 La Crema Pinot Noir Russian River Valley 2012, EUA (Casa Flora/Porto a Porto, www.casaflora.com.br, www.portoaporto.com.br, R$ 253,70).

100% Pinot Noir com 9 meses em carvalho franceês, cerca de 1/3 novo. Rubi violáceo quase escuro, com aroma rico e de bom ataque, frutado, com notas frescas de framboesa, amora,  terra molhada, couro, café, cravo. Paladar de bom corpo, macio, taninos finos e doces, equilibrado e elegante.

Nota: 91 pontos

Zinfandel Perli Vineyards 2012, Edmeades, Mendocino Ridge-EUA (Casa Flora/Porto a Porto,www.casaflora.com.brwww.portoaporto.com.br, R$ 220).

Elaborado com 81% Zinfandel, 16% Merlot e 3% Syrah, com 15 meses em barricas 75% francesas e 25% americanas, 22% novas. Rubi escuro violáceo. Aroma intenso e muito frutado, com muitas frutas negras maduras, ameixas maduras, amoras, bastante madeira, pimenta preta, baunilha, alcaçuz e uma nota animal de salame. Paladar encorpado, bastante macio e alcoólico, com 15,5% de álcool, mantendo um bom frescor.

Nota: 89 pontos

Marcelo Copello

Marcelo Copello


Marcelo Copello é um dos principais formadores de opinião da indústria do vinho no Brasil, com expressiva carreira internacional. Eleito “O MAIS INFLUENTE JORNALISTA DE VINHOS DO BRASIL” pela revista Meininger´s Wine Business International, e “Personalidade do Vinho” 2011 e 2013 pelo site Enoeventos.

Curador do RIO WINE AND FOOD FESTIVAL, e Publisher do Anuário Vinhos do Brasil, colaborador de diversos veículos de imprensa, colunista da revista Veja Rio online. Professor da FGV, apresentador de rádio e TV, jurado em concursos internacionais de vinho, como o International Wine Challenge (Londres). Copello tem 6 livros publicados, em português, espanhol e inglês, vencedor do prêmio Gourmand World Cookbook Award 2009 em Paris e indicado ao prêmio Jabuti.

Especialista no mercado e nos negócios do vinhos, fazendo palestras no Brasil e no exterior, em eventos como a London Wine Fair (Londres). Copello é hoje um dos palestrantes mais requisitados. Para saber mais sobre as palestras e serviços de Copello clique AQUI

  

Contato: contato@marcelocopello.com